top of page

Completando o ciclo missionário

“E o que de minha parte ouviste através de muitas testemunhas, isso mesmo transmite a homens fiéis e também idôneos para instruir a outros.” (2Tm. 2.2)

Jorge Miguel, Luana e Acsa

No dia 04 de setembro de 2022, na cidade da Praia, em Cabo Verde, a história de missões mundiais ganhou um novo marco: a ordenação pastoral do jovem caboverdiano Jorge Miguel. É possível que outros marcos significativos tenham ocorrido no grande continente africano nessa mesma data. A ordenação do Jorge, no entanto, tem um sabor especial porque se deu em um contexto extremamente significativo para os que labutam na obra missionária: Jorge faz parte de seleto grupo de obreiros que representa o fruto ideal do esforço missionário.

Sendo o primeiro campo transcultural para onde foram enviados os primeiros missionários da Missão Maranata no ano de 2008, Cabo Verde sempre ocupou um lugar especial no coração dos que iniciaram a Missão. Foi nesse arquipélago no ocidente da África que vimos os primeiros frutos do projeto missionário, dentre os quais nos chamava a atenção o adolescente Jorge Miguel por sua firmeza na fé em Cristo. Animado com a nova vida alcançada por meio do Evangelho, ao longo dos anos em que foi discipulado, Jorge serviu fielmente na Igreja da Bíblia onde quer que houvesse necessidade. Por isso, os missionários investiram tempo e recursos na vida do Jorge, crendo que ele provavelmente seria um daqueles homens fieis e idôneos para instruir a outros, acerca das Paulo falara a Timóteo.

Com o crescimento em estoura e idade, Jorge também crescia na graça e no conhecimento de Cristo. Assim, chegou o momento em que a Igreja da Bíblia formalmente reconheceu nele a vocação para o ministério pastoral. A partir desse ponto, várias pessoas tanto em Cabo Verde quanto no Brasil começaram a se mobilizar a fim de ajudar o Jorge na sua formação teológica. Enviá-lo ao Brasil, parecia um passo grande demais para a pequena Igreja da Bíblia. Contudo, com esforço e oração, formou-se uma rede de apoio emocional, espiritual e financeiro que possibilitou o envio do jovem aspirante ao ministério para o Brasil para estudar no Seminário Batista do Cariri.

Como sempre, o Senhor da Seara fez muito mais do que pedimos ou pensamos. Deus não somente supriu todas a necessidades do Jorge durante seu tempo no seminário, mas lhe abençoou com uma corajosa auxiliadora, Luana, que abraçou o desafio de continuar a obra de Deus em Cabo Verde. Atualmente, Jorge, Luana e sua filhinha Acsa fazem parte da Missão Maranata, moram na cidade da Praia, capital de Cabo Verde, e estão liderando o ministério na igreja da Bíblia.

É maravilhoso ver o ciclo missionário completado na história do Pr. Jorge Miguel. Mas, se por um lado, nos alegramos em ver o ciclo completo, também regozijamos em saber que o projeto continua à medida que novos ciclos serão iniciados pelo próprio pr. Jorge e pela Igreja da Bíblia, que certamente atingirão os confins da Terra.

Texto de Pr, Jenuan Lira, presidente da MMM

Comentários


bottom of page