top of page

Conduzindo Crianças a Cristo

Jesus mandou, “. . . Deixai os meninos, e não os estorveis de vir a mim; porque dos tais é o reino dos céus” (Mt 19:14, ACF). Ele também falou que precisamos ter fé como crianças para sermos salvos. “. . . Se não vos converterdes e não vos fizerdes como meninos, de modo algum entrareis no reino dos céus” (Mt 18:3, ACF). Como você pode certificar-se de que a criança está pronta para aceitar Cristo? É necessário fazer perguntas e ter cuidado ao conduzir uma criança a repetir uma oração, pois ela pode ainda não ter entendido, e você lhe passará uma falsa segurança. Quando dou um apelo, sempre pergunto: “Por que você levantou a mão? ” Já recebi as seguintes respostas: “Porque fulano me mandou levantar a mão”; “Porque quero que ore pelo meu cachorro”; “Porque quero receber um doce” (O professor da semana anterior havia dado um doce para as crianças que receberam Cristo); “Porque a senhora pediu”; Quando respostas assim são dadas, explico o porquê do apelo e, quando elas estiverem prontas a confiar em Jesus, podem levantar a mão de novo ou me procurarem. É uma alegria quando a resposta é, “Porque quero receber Jesus”, ou porque “Quero ir para o Céu”, então sigo para o próximo passo. Crianças precisam ter convicção pessoal do seu pecado e entender como seu pecado as separa de Deus. Ensino às crianças que pecado é qualquer coisa que penso, falo ou faço que não agrade a Deus. Se a criança responder para mim que pecado é “matar”, não aceito esta resposta, pois quero um exemplo que demonstra o entendimento pessoal. Certa criança que ao ser perguntada se já havia pecado, respondeu: “Só um pouquinho. ” Respondi que a Bíblia fala que todos pecaram e, quando ela entendesse que o pecado dela é tão sério que levou Jesus à cruz, aí sim estaria pronta para ser salva. Crianças precisam entender o porquê de Jesus ter morrido na cruz e acreditar nEle para sua salvação (At 16:31). Ser salvo não é pedir perdão do pecado, muitas religiões ensinam a fazer isto. É preciso acreditar que o sangue de Jesus é o que pode purificar do pecado, e só Jesus, por ser Deus e perfeito, pôde ser seu substituto, pagando o castigo do seu pecado quando morreu na cruz. Se a criança demonstrar entendimento do pecado, de quem é Jesus e que Ele morreu na cruz e ressuscitou, então pergunto se já quer orar confiando nEle, enfatizando que não são palavras mágicas, mas que tem que vir do coração. Se a criança parar no meio da oração sem saber o que dizer ou deixar de falar sobre sua fé no que Cristo fez na cruz, faço uma pergunta para lembrá-la, por exemplo: “O que Cristo fez para salvá-la? Fale para Ele que você acredita. ” Assim a criança tem de falar com suas próprias palavras, me dando a certeza de que ela está pensando e não apenas me copiando. Após orar, verifico se ela sabe responder com quem falou na oração, o que pediu, para onde sua alma vai quando morrer e porquê. Não conheço alegria maior do que conduzir uma criança a Cristo. Aceite este desafio de plantar e colher sementes nos corações dos pequenos.


____________________________________________________

SE QUISER CONHECER O QUE DEUS ESTÁ FAZENDO NA ÁREA DE MATERIAL DIDÁTICO


PARA IGREJAS, FAMÍLIAS E ESCOLAS CRISTOCÊNTRICAS VISITE NOSSO SITE: FUNDAMENTOCRISTAO.COM.BR


OU LIGUE PARA (62)3954-0061 / (62)98598-2166.








Comentários


bottom of page