top of page

Família Vieira no Japão viveu terremoto

No primeiro dia do ano 2024, o missionário brasileiro no Japão, Pr. Rafael Vieira juntamente com sua família, sofreram o primeiro grande terremoto.


Pastor Rafael disse que quando os celulares receberam o alerta, rapidamente houve o tremor e em seguida, o prédio balançou. “Corremos para nos proteger debaixo da mesa, mas graças a Deus, nada grave aconteceu”, disse ele. O epicentro ocorreu em Ishikawa, uma cidade há 4 horas da casa aonde eles moram. A força do terremoto foi 7.6, numa escala até 9. Na cidade, aonde estão a escala foi de 3, mais fraco que Ishikawa. Em Ishikawa, houve muitos estragos e muitas famílias perderam parentes e casas.

 

NATAL NO JAPÃO

Apesar de não entenderem o significado verdadeiro, os japoneses gostam do Natal. Não existe menção de Jesus, apenas enfeitam suas casas com luzes, montam árvores e o boneco inflável do Papai Noel aparece nas lojas. Rafael disse em uma carta logo no início deste mês de janeiro que a igreja aonde ele serve celebrou o Natal com pregação da Palavra, louvores e um teatro das crianças. “Tivemos um almoço com todos os presentes que devido à pandemia da Covid, há tempos não se realizava”, explicou.


Através da distribuição de folhetos em português e japonês, o que não é comum aonde vivem, Rafael e os filhos puderam manter contato com várias pessoas na cidade. Puderam conhecer novos vizinhos, inclusive alguns que vieram do Camboja. Eles ficaram gratos com o gesto do missionário e filhos.

 

ADOLESCENTES E JOVENS

Recentemente, no final de 2023, foi realizado um acampamento com os adolescentes e jovens da igreja, refletindo sobre o jovem cristão como luz em meio às trevas. Foi um tempo para conversas, brincadeiras e evangelismo. Segundo disse Pr. Rafael, três jovens descrentes estavam presentes e ouviram a Palavra.

 

Continuemos orando pelo Japão, por salvação de almas. Oremos também pela Família Vieira, Pr. Rafael, Ana Lídia, Misael e Isabela. Viver em uma cultura bem diferente é um desafio que carece de apoio em intercessão para superar as batalhas de adaptação.

 

Contatos pelo WhatsApp: +81 80-6199-4905

bottom of page